Que tal apostar em uma nova decoração para o seu quarto?

Que tal apostar em uma nova decoração para o seu quarto?

Categorias: Faça você mesmo, Reforma e construção
Tempo de leitura:

O quarto é um dos principais cômodos da casa, onde você se conecta consigo, se prepara para dormir e descansar. Pode não parecer, mas os ambientes influenciam diretamente em como nos sentimos, por isso, o que acha de renovar seu espaço? Faça mudanças que te agradem e melhore sua qualidade de vida. 

Então, quer reformar a parede do seu quarto gastando pouco? Confira as dicas a seguir, de como fazer textura na parede utilizando massa ou tinta e com baixo investimento.

1. Organize o espaço e prepare o ambiente

Retire todos os móveis do cômodo e tudo que contém nele, como decoração (incluindo os tapetes). Forre todo o chão com jornal, assim o piso fica protegido de possíveis manchas. 

2. Prepare a parede

Sempre antes de qualquer aplicação em paredes, é importante prepará-la. Comece lixando-a e dando uma maior atenção aos pontos onde há irregularidades. Após concluir, limpe-a com um pano úmido. Quando estiver seca, aplique o primeiro item, o fundo preparador.

Algumas casas tendem a ser mais úmidas que outras, o que pode gerar mofos que ganham força quando o local possui pouca ventilação. Uma solução para isso, é utilizar na preparação da sua parede, o Sela água, um produto especializado em evitar e eliminar umidade e infiltrações em paredes externas e internas, pisos, rodapés e etc. Com este tipo de impermeabilizante você promove mais segurança para o resultado final da sua parede.

E se os fungos são realmente um problema para você, uma forma de reforçar a proteção do Sela água é através de tintas com propriedades antimicrobianas que servem como método preventivo. Uma das melhores tintas antimofo do mercado é a Tinta Antimofo Bactercryl, excelente na prevenção da proliferação de fungos e mofo, pois contém poderoso fungicida. Ela é ideal também para  banheiros, cozinhas, lavanderias, garagens entre outros.

3. Atenção aos detalhes

Para garantir o acabamento de qualidade, não esqueça deste item básico e muito útil, a fita crepe. Envolva em fita as áreas que não serão pintadas, como rodapé, roda-teto, batentes, juntas de paredes e portas. Essa é uma forma de lhe dar mais tranquilidade na hora de trabalhar, e ao final na hora do acabamento, basta retirar as fitas.

4. Técnicas simples

  • Rolo com tinta: essa é a técnica mais simples de executar, pois necessita apenas de um rolo especial para texturas e tinta. Você pode escolher o rolo com a textura que mais lhe agrade. Evite passar o rolo no mesmo lugar muitas vezes, isso pode falhar a aplicação.
  • Rolo com massa: se além de textura e relevo, você ainda quer um pouco mais de realce na parede, a massa é a escolha certa. Adquira a massa adequada para o processo e leia as indicações de uso. De forma geral, passe a massa na parede e em seguida o rolo, para criar os efeitos. Depois da textura concluída, pinte da cor desejada, se preferir. 

5. Dicas para a pintura

Recomenda-se começar a pintura pela parte superior da parede até chegar na parte média e inferior. Lembre-se do intervalo de 4 horas entre a aplicação de uma camada e outra. E outra dica, cuidado com o clima. Se estiver chovendo ou muito úmido não é um bom dia para o serviço, pois assim irá demorar para secar. Tempo muito seco ou quente também não é dos melhores, porque dificulta na hora de espalhar a tinta na parede durante a pintura. O clima ideal para pintar uma parede é em dias em que a umidade do ar encontra-se em 10% em média.

6. Acessórios práticos e úteis

  •  Misturador de tinta: o misturador é uma ferramenta que, como o nome diz, ajuda a agitar, diluir e homogeneizar soluções líquidas. Com ele é possível mesclar duas ou mais tintas ou diluí-las em água para potencializar o rendimento.
  • Prolongador de rolo: também conhecido como extensor, este é um acessório essencial para a pintura de lugares mais altos. Além disso, com ele não é preciso utilizar uma escada.
  • Trincha para os acabamentos: a trincha é um tipo de pincel, muito usado para acabamentos. A trincha possui um tamanho menor e uma certa inclinação na ponta das cerdas, o que descomplica o trabalho em pequenas áreas.

7. Aguarde a secagem

Geralmente leva cerca de 24 horas para a secagem total da parede, e é somente após esse

período que é recomendado colocar os objetos de decoração. O cuidado aqui é para não manchá-los então, aguarde algumas horinhas e evite uma dor de cabeça.

8. Conservando a pintura

Depois que a pintura estiver seca, para manter a parede sem poeira basta apenas um pano úmido. Não utilize produtos, pois podem remover a tinta. Caso a parede tenha sido suja com alguma coisa, procure limpá-la rapidamente. Quanto mais tempo a sujeira se mantém ali, mais ela é absorvida, tornando- a mais difícil de retirar.

Se possível, ao acabar sua reforma, deixe um pouco de tinta na lata e guarde-a. Caso ocorra algum dano à superfície da parede, você pode sempre retoca-la. 

9. Dicas extras e importantes!

É necessário que se tenha cuidado e paciência na hora da aplicação, pois apesar de não ser uma técnica na qual o efeito fica completamente regular, é importante que tenha equilíbrio para não ficar desarmônico. E não se preocupa se na primeira demão parecer que está manchado, a tendência é ir sumindo conforme secar e com a próxima demão.

Um erro básico e muito cometido é o de colocar um ventilador direcionado para a parede, a fim de que seque mais rapidamente. Não faça isso! O vento orientado à parede pode fazer com que se criem bolhas na pintura. Dessa forma, deixe-o em movimento sem que esteja diretamente apontado para a parede.

 E aí, gostou? Essas são formas simples para reformar a parede do seu quarto gastando pouco. Corra até a Milium mais próxima e confira todas as ofertas. Na dúvida, converse com um dos nossos vendedores. Eles vão ajudar você a escolher todos os itens e não esquecer de nada.

Gostou? Encontre uma Milium mais próxima a você!